Seguro viagem geral 728x90

Viagem Bariloche – 7 Motivos Para Realizar

Bariloche é um dos destinos mais procurados pelos brasileiros durante o inverno. Trata-se de uma cidade argentina, localizada na região da Patagônia.

Ela é famosa por suas estações de esqui e lindas paisagens. O lugar ideal para curtir a natureza e praticar esportes radicais.

Quer saber mais motivos para realizar uma viagem a Bariloche?

Então nos acompanhe neste artigo.

1. Divertir-se na Neve

Para os brasileiros o que mais chama a atenção em Bariloche é a neve.

Como vivemos em um país tropical não temos contato com este fenômeno meteorológico.

Por isso realizando uma viagem a Bariloche surge a oportunidade de ver montanhas nevadas, esquiar e praticar outros esportes com neve como snowboard, esquibunda e tubing, ou simplesmente brincar na neve.

Imagem de moça esquiando em Bariloche, na Argentina.
Foto: Esqui em Bariloche, Argentina – Temporada Livre

A estação de esqui mais famosa é Cerro Catedral, a qual se encontra a 19km da cidade e conta com elevadores, diversos circuitos de esqui com vista para o Lago Nahuel Huapi, lojas de esqui, centro de saúde, restaurantes, bares e um complexo de hotéis.

A estação possui pistas para todos os níveis desde iniciantes a experientes. E ainda oferece aos visitantes uma área de recreação com obstáculos e rampas, kids club para brincar de tubbing (espécie de bola para escorregar na neve) e escola de esqui para quem deseja aprender.

Outra estação conhecida é o Piedras Blancas que se encontra no Cerro Otto, nos arredores de Bariloche.

Lá você encontrará um sistema de elevação com capacidade para 1200 pessoas e uma ótima infraestrutura para a prática de trenó, snowboard e esqui para iniciantes.

Outra opção interessante é o Centro de Ski Nórdico, que também se encontra no Cerro Otto e oferece uma outra abordagem dos esportes de inverno, onde o declive é mais horizontal, sendo possível realizar trilhas, passear de quadriciclo, snowmobiles e caminhar com raquetes de neve.

Quer conhecer outro destino argentino ótimo para praticar esportes de inverno? Então confira nosso artigo sobre Ushuaia

2. Curtir a Natureza

Imagem de lago no Parque Nacional Nahuel Huapi em Bariloche, na Argentina
Foto: Parque Nacional Nahuel Huapi, Bariloche, Argentina – Pixabay

Bariloche também é o lugar ideal para curtir a natureza, tendo uma boa variedade de passeios ao ar livre. Entre os passeios mais realizados está o Parque Nacional Nahuel Huapi, sendo o mais antigo da Argentina, fundado em 1934 e contendo mais de 700 mil hectares.

Nele você poderá visitar a Isla Victoria. A excursão inicia a bordo de um barco no lago Nahuel Huapi até a ilha, onde poderá caminhar por trilhas, encontrar casas históricas e praias.

No porto você poderá observar as montanhas que rodeiam o local e avistar gaivotas que seguem o barco para receber pedaços de biscoito dos turistas.

No local também se encontra o Bosque dos Arrayanes, um lugar belo, composto por lindas árvores da região patagônica. Os arrayanes possuem 18 metros de altura e cerca de 300 anos.

Ainda no parque você poderá realizar outras atividades como rafting, cavalgadas, pesca e canoagem. Nas trilhas você poderá observar a bela natureza local e até mesmo avistar animais selvagens como o condor, cervo e o gato selvagem huiña.

Outro passeio recomendado é o Circuito Chico, que permite que os visitantes tenham uma visão geral das belezas da região. O passeio é feito de barco e passa pelo Parque Nahuei Huapi, com visitas a seu lago, Cerro Campanario, Colonia Suiza e Capilla San Eduardo.

A travessia pelos lagos andinos, na fronteira entre Chile e Argentina também é uma ótima opção, sendo que pode ser realizada em um ou dois dias.

Outros passeios naturais incríveis é ir até os Cerros Otto e Campanário, de onde do topo você poderá ter uma visão privilegiada do local, podendo ver os lagos e as belas montanhas que os rodeiam.

3. Visitar os Museus de Bariloche

Imagem da entrada do Museu do Chocolate, em Bariloche, na Argentina.
Foto: Museu do Chocolate, Bariloche, Argentina – Bariloche Turismo

Quem deseja conhecer o centro urbano da cidade encontrará uma boa variedade de museus, indicados para quem curte passeios culturais e história.

Entre eles temos o Museu da Patagônia, que conta com peças que contam sobre a pré-história do local, etnografia, história regional e exposições temporários.

No Museu Paleontológico e no Museu Geológico e Paleontológico “Rosendo Pascual” você encontrará fósseis de dinossauros, ossos e garras, sendo que o segundo ainda conta uma coleção de invertebrados importantes na Patagônia.

O Museu do Chocolate conta a história dessa deliciosa iguaria, explicando desde sua criação. No lugar também há esculturas feitas somente de chocolate. E ainda há o Museu Ictícola, onde você encontrará uma exposição de truta embalsamada.

4. Fazer Compras

Em Bariloche você ainda pode fazer compras, adquirindo artigos que não se vê em todo o lugar. Entre eles seus deliciosos chocolates artesanais, doces, roupas de lã, alimentos defumados e peças de artesanato em madeira.

5. Viajar Durante o Verão

Imagem de lago em Bariloche, na Argentina.
Foto: Lago em Bariloche, Argentina – Pixabay

Mesmo as estações de esqui sendo as principais atrações, é durante o verão que os visitantes podem visitar seu parque nacional e aproveitar todas as opções de passeios e praticar esportes radicais como treking, mergulho, canoagem, cavalgada, mountain bike, entre outros.

Outra coisa boa do verão é que há dias mais longos, em que o Sol chega a brilhar até as 22 horas. Dessa forma você poderá aproveitar ainda mais sua estadia em Bariloche. Além disso, as temperaturas no verão são bem agradáveis, compreendendo os 15 e 25°C.

6. Várias Opções de Hospedagem

Em Bariloche você encontrará opções de hospedagem para todos os gostos e bolsos. Há hotéis até cinco estrelas para quem gosta de conforto e luxo, pousadas para quem quer ter uma experiência mais caseira, sendo que muitos turistas gostam até de alugar chalés e cabanas, tendo um contato maior com a natureza e uma vista privilegiada.

E para quem deseja economizar há os hostels, onde você tem uma interação maior com os hóspedes, podendo escolher quartos compartilhados ou exclusivos.

Encontre a hospedagem ideal para você no BOOKING.COM:


Booking.com

7. Saborear a Deliciosa Gastronomia Local

A culinária de Bariloche tem boa fama, apresentando pratos deliciosos, entre eles os mais famosos são: parrilhada, trufa defumada, cordeiro patagônico, fondue de queijo, carne grelhada, gelato artesanal e chocolates.

Encontre ofertas em seguro viagem para a América do Sul na REAL SEGURO VIAGEM:

Seguro viagem america do sul 468x60

+ Um Motivo

Outro bom motivo para realizar uma viagem a Bariloche é que você terá a oportunidade de visitar a cidade conhecida como a “Suíça do Hemisfério Sul” sem precisar de passaporte e muito menos visto de viagem, podendo viajar tranquilamente com apenas um RG recente, sem complicação e burocracia.

Deseja conhecer outros belos lugares na Argentina? Então clique aqui

Dicas

Não é recomendado viajar para Bariloche durante julho, dezembro e janeiro já que são épocas de alta temporada, quando há um maior número de turistas e os preços sobem.

Para aproveitar o inverno um dos melhores meses é agosto, quando já começou a nevar e as estações de esqui estão abertas.

É possível viajar até Bariloche de avião, mas uma forma econômica é de ônibus através de Buenos Aires.

Para circular pelo local é indicado alugar um carro, dessa forma o acesso aos passeios e excursões é mais prático.

Quer saber mais detalhes sobre Bariloche? Endereços de hotéis, restaurantes e contatos para passeios? Então visite o site Bariloche Turismo.

Esperamos que tenha gostado das informações sobre Bariloche e que elas tenham ajudado.

Já teve a oportunidade de conhecer a cidade? Tem alguma dica para compartilha com a gente? O que acha de Bariloche? Conte pra gente nos comentários.

E se curtiu o artigo, compartilhe com os amigos nas redes sociais.

Fontes – Bariloche Turismo, Viaje Aqui Abril, Wikipedia, Viaje na Viagem, Quanto Custa Viajar

 photo banner real seguro 468 x 60_zpsgvj8olhy.jpg

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!