Seguro viagem geral 728x90

7 Motivos Para Realizar uma Viagem Para Viena

Viena, capital da Áustria, é a segunda maior cidade de língua alemã no mundo. Trata-se de um belo lugar, onde se respira música e arte.

Ela também é conhecida por sua catastrófica história durante a Segunda Guerra Mundial, que chegou a destruir a cidade.

No entanto após sua reconstrução, Viena renasceu ainda mais bonita e encantadora.

Quer saber mais motivos para realizar uma viagem a esta bela cidade?

Então confira as informações que reunimos para você.

1. Conferir Suas Atrações Musicais

Uma das características que mais chama a atenção dos turistas para Viena é a música, tanto que ela é considerada a “Capital Mundial da Música”.

Afinal a cidade foi o lar de prodígios musicais como Beethoven, Mozart, Schubert, Haydn e Strauss.

Por isso em Viena você vai encontrar facilmente teatros, salas de concertos e até mesmo bailes.

Entre eles temos a Staatsoper, uma sala de ópera que foi inaugurada originalmente em 1869, tendo que ser reformada após ser quase totalmente destruída durante a Segunda Guerra Mundial.

Imagem de Staatsoper, sala de ópera, em Viena, na Áustria.
Foto: Staatsoper, Viena, Áustria – Pixabay

Além das apresentações você ainda poderá visitar suas dependências e conferir suas encantadoras fontes, escadaria de mármore, estátuas de bronze, tapeçarias e seu belo salão de chá.

Além dessa temos também a Theater an der Wien e a Volksoper que são outras salas de ópera famosas.

É em Viena que também se encontra a Orquestra Filarmônica de Viena que é considerada uma das melhores do mundo e os Wiener Sangerknaben, o Coro das Crianças Cantoras de Viena, famosos em vários países.

E claro também não poderíamos nos esquecer dos bailes vienenses, os quais são realizados entre os meses de janeiro e fevereiro, havendo os mais tradicionais e outros mais modernos.

2. Conhecer sua História

Imagem da Catedral de Viena, na Áustria.
Foto: Catedral de Viena, Áustria – Pixabay

É possível conhecer a história de Viena através de suas construções históricas e museus interessantíssimos que contam a trajetória da cidade.

Entre as construções mais notáveis está a Catedral de Viena que se encontra em seu centro histórico. Ela é feita em arquitetura gótica, sendo mais um dos monumentos reconstruídos após a segunda guerra.

Nela você poderá encontrar catacumbas e um sino de 20 toneladas que foi fundido através de 20 balas de canhão tiradas pelos turcos em 1683.

Outra igreja famosa é a Igreja de S. Carlos Borromeu que foi edificada em estilo barroco entre os anos de 1715 e 1737. Sua construção foi em homenagem a São Carlos Borromeu que dedicou sua vida ao catolicismo e à caridade.

A cidade também possui belos e imponentes palácios. Entre eles o Palácio Hofburg, que se encontra no centro de Viena. Era neste complexo que os antigos imperadores viviam e hoje é a sede da Presidência da República, funcionando também como centro de conferências internacional, Escola de Equitação de Inverno, contendo apartamentos oficiais e privados, museus, entre outros.

Já o Palácio de Belvedere foi construído em arquitetura barroca a mando do Príncipe Eugênio de Saboia. Hoje funciona nele o Museu de Arte Medieval Austríaca, a Galeria da Áustria e belos jardins que circundam a construção.

A cidade também é rica em museus, sendo que visitando o Quarteirão dos Museus, você terá a oportunidade de conhecer vários museus em um só lugar, sendo um dos maiores complexos de museus do mundo.

O Museu de Arte Moderna da Fundação de Ludwig de Viena, Kunsthalle, Leopold Museum e o Museu do Tabaco são alguns dos museus que você pode encontrar no local.

Encontre ofertas em seguro viagem para a Europa na REAL SEGURO VIAGEM:

Seguro viagem europa 468x60

3. Visitar Atrações Culturais

Imagem do Palácio Schonbrunn, em Viena, na Áustria.
Foto: Palácio Schonbrunn, Viena, Áustria – Pixabay

Se você gosta de unir história com atrações culturais vai curtir a visita ao Palácio Schonbrunn, onde antes era a residência de verão dos Habsburgos (uma das famílias mais importantes da Europa).

Além de sua bela arquitetura e espaços temáticos como a Sala dos Espelhos, o Salão Chinês Azul, a Sala da Imperatriz Isabel e a Sala da Laca Antiga, nele você encontrará lindos jardins, e o belo zoológico de Schonbrunn, o mais antigo do mundo, fundado em 1752.

Agora se você quer ter uma experiência diferente também pode visitar o Wiener Prater, o parque de diversões da cidade, onde se encontra a Riesenrad (roda-gigante), que é um dos símbolos da cidade.

Ela foi inaugurada em 1897 e conta com 60 metros de altura, de onde é possível ter uma visão panorâmica do parque e da cidade. No local você ainda encontrará vários outros brinquedos e diversões para crianças e adultos.

4. Apreciar sua Culinária

Imagem de wiener schnitzel, prato famoso em Viena, na Áustria.
Foto: Wiener Schnitzel – Pixabay

Viena também é famosa por sua deliciosa culinária. Entre seus pratos mais famosos estão, o wiener schnitzel (escalope vienense, carne empanada com legumes), gulash (carne cozida com especiarias), presuntos crus e queijos.

Os doces vienenses chamam a atenção por seu delicioso sabor. Entre os mais apreciados estão o sachertorte (bolo de alperce e chocolate), gugellhupf (bolo com cobertura de amêndoas ou chocolate), apfestrudel (massa folhada com maçã), palatschinken (panqueca servida com fruta, chocolate ou queijo), mohr um hemd (pudim de chocolate servido com chantilly), entre outros.

Para provar sua comida um dos melhores lugares é o Naschmarkt, o maior e também mais conhecido mercado da cidade. Ele foi criado no século XVIII e conta com diversos restaurantes, onde você pode encontrar de tudo um pouco.

Viena também é famosa por seus cafés, lugares aconchegantes com uma decoração luxuosa que atraem as pessoas que desejam saborear um delicioso café e jogar conversa fora.

O legal é que na cidade você poderá encontrar cafés históricos, datados do século XVIII e XIX como o Café Demel, que conta-se que oferecia o sorvete de violeta à imperatriz Sissi (imperatriz consorte da Áustria e rainha da Hungria, famosa por ser uma figura carismática, apesar de sua polêmica vida), Café Central, Café Landtmann, Café Central, Café Sperl, entre outros.

5. Custo Menor

Viena também é conhecida por ser uma das cidades mais baratas da Europa, o que atrai muito os turistas que desejam desfrutar de uma viagem diferente, mas ao mesmo tempo econômica.

Os estudantes de intercâmbio também se veem atraídos por Viena pelo mesmo motivo.

No entanto é importante verificar todos os serviços utilizados e ingressos das atrações para programar seus gastos. Afinal estamos falando do euro, uma moeda que hoje (2016) vale R$3,56.

Encontre a hospedagem ideal para você no BOOKING.COM:


Booking.com

6. Várias Opções de Hospedagem

Em Viena você poderá encontrar opções de hospedagem para todos os gostos e bolsos. Entre elas hostels que são os preferidos dos mochileiros, hotéis mais baratos àquelas com uma ótima infraestrutura e localização.

Você também pode optar hospedar-se em bairros mais distantes do centro, que também possuem ótimos hotéis. Assim você pode fugir da agitação da cidade e ainda encontrar valores mais em conta.

7. Bom Transporte

Outra coisa boa em Viena é que ela possui um excelente sistema de transportes públicos. Sendo que você pode contar com metrô, bondes, ônibus e trens.

Algo legal também é que na cidade são vendidos tíquetes que oferecem transporte ilimitado de um dia a uma semana e ainda podem dar desconto em atrações, cafés e restaurantes.

A cidade também é boa para ser percorrida de carro já que suas rodovias são bem estruturadas, no entanto com a eficiência do transporte público se torna mais viável financeiramente usá-los ao invés de alugar um veículo particular.

Dicas

Não há voos diretos entre Brasil e Áustria, no entanto é possível realizar escala em outros países ou mesmo viajar de trem através de outras cidades da Europa como Cracóvia (Polônia), Bratislava (Eslováquia) e Budapeste (Hungria).

Para viajar para Viena é necessário passaporte de viagem, no entanto o visto não é exigido.

A melhor época para visitar a cidade é durante a primavera (de abril a junho) e no outono (setembro e outubro) quando o clima está mais agradável.

No entanto alguns turistas gostam de visitar o país durante o inverno (de dezembro a março) quando podem curtir um inverno europeu intenso marcado pela neve e os famosos mercados de Natal ou durante o verão, que diferente de outros lugares na Europa é chuvoso.

Esperamos que as informações tenham ajudado.

Caso tenha alguma dúvida dica ou queira deixar sua opinião, fique à vontade para comentar.

E se curtiu o artigo, compartilhe com os amigos nas redes sociais.

Fontes – Wikipedia, Viaje Comigo, Quanto Custa Viajar, Viaje Aqui Abril, Viagem em Pauta, Viagem Uol, Expedia, Brasileiras Pelo Mundo

 photo banner real seguro 468 x 60_zpsgvj8olhy.jpg

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!