Seguro viagem geral 728x90

7 Motivos Para Realizar uma Viagem Para o Egito

O Egito é um país que se encontra no nordeste da África, uma das nações mais populosas do mundo, apesar de seu clima árido e ambiente desértico.

Nele você poderá conferir a única maravilha do mundo que resistiu ao tempo, as Pirâmides de Gizé. O país também é rico em sítios arqueológicos e história. Além de também possuir um belo litoral e um povo receptivo.

Quer saber mais motivos para realizar uma viagem para o Egito?

Então fique atento às informações que reunimos para você.

1. Visitar as Atrações do Cairo

Cairo é a capital do Egito, uma cidade populosa, com um trânsito caótico e poluição, mas que no entanto é um dos lugares mais históricos do mundo e que vale a pena conhecer.

É nela que você terá a oportunidade de visitar as Pirâmides de Gizé e a Grande Esfinge, que se encontram bem próximas à cidade e têm mais de 3 mil anos de história.

No Cairo também se encontra o Museu Egípcio, onde você verá uma grande variedade de artefatos do Egito Antigo, inclusive múmias de faraós, os tesouros de Tutancamon, sarcófagos, papiros, entre outras raridades arqueológicas.

Você ainda poderá visitar monumentos históricos, como a Mesquita de Muhammad Ali que foi construída no século XIX, a Mesquita de al-Azhar, edificada no século X e a Mesquita-Madrassa do Sultão Hassan, construída no século XIV.

Além disso, a cidade conta com o Mercado Khan Al-Khalili, onde você poderá encontrar toda a sorte de souvenires interessantes, como tecidos, sapatos, perfumes, joias, entre outros.

Quer saber mais detalhes da cidade? Então confira o artigo abaixo: 

7 Motivos Para Realizar uma Viagem Para o Cairo

2. Explorar as Ruínas de Menphis

Imagem de esfinge nas ruínas de Menphis, no Egito.
Foto: Ruínas de Menphis, Egito – Desporto Viajar

Menphis chegou a ser a capital do Egito na Antiguidade. É uma cidade que foi abandonada após a chegada dos romanos e que hoje se encontra em ruínas, mas se tornou um dos destinos mais interessantes do país, formando um verdadeiro museu ao ar livre.

Nela você vai encontrar as ruínas de monumentos importantes como o Grande Templo de Ptah, o maior e mais antigo templo do Egito. Ptah é o deus padroeiro dos artesão, a quem os egípcios antigos acreditavam que protegia a cidade.

Outros monumentos são o Templo de Ptah Ramsés II, Templo de Hathor, estátuas que representam Ramsés e a segunda maior esfinge do Egito, a qual tem mais de 4 metros de altura e 8 de comprimento.

Encontre a hospedagem ideal para você no BOOKING.COM:


Booking.com

3. Realizar um Cruzeiro Pelo Nilo

Imagem de Cruzeiro no Nilo, no Egito.
Foto: Cruzeiro no Nilo, Egito – Peixe Urbano

Outra atração imperdível no Egito é realizar um cruzeiro pelo Nilo. Este rio é o maior do mundo, tendo quase 7 mil km de extensão, passando não só pelo Egito, como mais 7 países africanos, como Ruanda, Tanzânia, Uganda, Congo, Quênia, Etiópia e Sudão.

Os navios são grandes e bem equipados, contendo toda uma infraestrutura para atender as necessidades dos viajantes. Através deles você terá a oportunidade de conhecer outros lugares do Egito, além do Cairo.

Entre seus destinos estão a cidade de Luxor, onde se encontram o Templo de Karnak, o principal templo destinado a Amon-Rá, o Vale das Rainhas, uma necrópole onde foram sepultados rainhas, príncipes e princesas do Império Novo.

Também há o Museu da Mumificação e Deir el-Medina, uma antiga aldeia onde residiam artesãos que construíram os templos e os túmulos dos faraós.

Outro destino é o Templo de Edfu, dedicado ao deus Hórus. É um dos templos mais bem conservados do Egito, sendo construído por volta de 1550 a.C e 1077 a.C.

Outro templo que pode ser visitado durante o cruzeiro é o de Kom Ombo, construído há mais de dois mil anos, sendo o único templo dedicado a duas divindades, o deus crocodilo Sobek e o deus falcão Horus.

Também há os templos de Abu Simbel, um complexo arqueológico composto por dois grandes templos, construídos por ordem do faraó Ramsés II em homenagem a si e sua esposa Nefertari, sendo edificados por volta de 1284 a.C.

Uma das características mais impressionantes de sua construção sãos as quatro estátuas que se encontram na estátua do templo, tendo mais de 20 metros de altura.

4. Conhecer Alexandria

Imagem do Palácio Al-Montazah, na cidade de Alexandria, no Egito.
Foto: Palácio Al-Montazah, Alexandria, Egito – Menphis Tour

Outro destino famoso no Egito é Alexandria, a famosa cidade fundada por Alexandre, o Grande. Era nela que se encontravam importantes monumentos como o Farol de Alexandria e a Biblioteca de Alexandria, a maior da Antiguidade, que infelizmente foram destruídos, o primeiro pela ação de um terremoto em 1323 e a segunda por um incêndio.

No entanto ela possui outros monumentos e atrações muito buscadas pelos turistas como o Museu Grego-Romano, que possui cerca de 40 mil itens que datam do século III a.C, o palácio Al-Montazah, que já foi usado como residência real e possui 370 belos jardins com vista para o mar.

Também há a mesquita Mursi Abul Abbas que foi construída no estilo andaluz, em homenagem a um dos quatro mestres do Egito.

5. Mergulhar no Mar Vermelho

Imagem de coral no Mar Vermelho, no Egito.
Foto: Coral no Mar Vermelho, Egito – Pixabay

O Mar Vermelho é outro destino bem famoso no Egito, um lugar fascinante e exótico, onde o deserto se encontra com o mar. É o mar tropical mais próximo da Europa. Além disso, ele é bem conhecido pela famosa menção bíblica da passagem de Moisés e o povo hebreu.

Suas águas são bem agradáveis, sendo que sua temperatura varia dos 21 a 25 graus, perfeito para praticar mergulho e observar seus belos recifes de corais, não encontrados em outros lugares no mundo.

Você poderá observar diversas espécies de invertebrados e 200 tipos de corais em suas águas, assim como tubarões, arraias manta, tartarugas e moreias. O lugar ideal para os apaixonados pela prática do mergulho.

Encontre ofertas em seguro viagem para o Oriente Médio na REAL SEGURO VIAGEM:

Seguro viagem oriente medio 468x60

6. Passear Pelo Deserto Branco

O Deserto Branco (Sahra al-Baida) é outro destino bem conhecido no Egito. Trata-se de um parque nacional que tem cerca de 300 km².

Sua principal atração são suas formações naturais feitas de calcário, as quais fora esculpidas pelo vento e possuem vários metros de altura, mexendo com a imaginação dos visitantes que tentam desvendar com que suas formas se parecem.

Os passeios ao local, podem ser realizados a pé, levando seis horas de caminhada, ou de veículo 4×4, que passa bem próximo às formações e param para que os viajantes possam observar a bela paisagem e tirar fotografias.

As melhores visões se encontram no por do sol, quando as esculturas adquirem tons arroxeados e o céu limpo permite a observação das estrelas e da lua com mais exatidão de detalhes.

Você ainda tem a opção de realizar o tour pelo deserto com beduínos, famoso povo que vive viajando no deserto e sobrevive graças a seus conhecimentos. Eles ficam encarregados de contar a história do lugar aos turistas, montar o acampamento com tendas e até mesmo cozinhar. Uma experiência exótica e interessante.

7. Conferir a Receptividade do Povo Egípcio

O povo egípcio costuma tratar bem os turistas. Apesar de parecerem bastante curiosos e observar os viajantes com toda a atenção, são bem amistosos e curtem uma boa conversa.

Viajantes também tem elogiado seus guias turísticos que executam seu trabalho com qualidade e simpatia.

A única coisa que tem que se tomar cuidado é com as vestimentas das mulheres, que devem ser mais discretas para não despertarem olhares de censura e desconfortos, já que os costumes desse povo são diferentes.

Dicas

Há voos diretos para o Egito, sendo que Cairo é a cidade de mais fácil acesso.

Também é preciso tirar visto de viagem para entrar no Egito, junto à Embaixada do Egito no Brasil ou Consulados.

Como faz muito calor no país é recomendado levar protetor solar, óculos de sol e chapéu para se proteger dos raios solares.

A melhor época para visitar o Egito é durante o verão (entre maio e outubro), quando é sua baixa temporada, e suas atrações estão mais vazias, sendo mais tranquilo visitá-las.

Esperamos que as informações tenham ajudado.

Caso tenha alguma dúvida, dica ou queira deixar sua opinião, fique à vontade para comentar.

E se curtiu o artigo, compartilhe com os amigos nas redes sociais.

Fontes – Viagem e Mergulho, Viagem Uol, Vida e Estilo, Estrangeira, G Damas, A Mochila e o Mundo, Wikipedia, Pé na Estrada, Viagem e Turismo, Manual do Turista, Revivendo Viagens, ZH Clicrbs

 photo banner real seguro 468 x 60_zpsgvj8olhy.jpg

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!