Seguro viagem geral 728x90

7 Motivos Para Realizar uma Viagem Para Moscou

Moscou é a capital e maior cidade da Rússia, onde se encontra a maior parte de sua população e lugar que mais atrai turistas ao país.

Na cidade você encontrará uma bela arquitetura e atrações culturais incríveis.

Quer mais motivos para realizar uma cidade para Moscou?

Então nos acompanhe neste artigo.

1. Visitar Construções Históricas

Moscou está repleta de construções históricas, as quais possuem uma arquitetura bela e impressionante.

Entre elas temos a Catedral de São Basílio.

É uma construção impressionante composta por nove igrejas laterais organizadas em torno de uma décima igreja como intercessão formando um grande bolo de casamento.

Imagem do Kremlin na Praça Vermelha, em Moscou, na Rússia.
Foto: Kremlin na Praça Vermelha, Moscou, Rússia – Pixabay

Ela se encontra na Praça Vermelha, a principal e mais bela praça da cidade. E não é só a parte de fora que chama a atenção da imponente construção, mas também suas galerias, murais, ícones e afrescos.

Outra catedral que chama a atenção é a de Cristo Salvador, uma bela construção que lembra um lindo palácio de gelo. Ela foi construída originalmente no século XIX com o objetivo de agradecer a Divina Providência por salvar a Rússia de Napoleão.

No entanto mais tarde foi demolida para dar espaço ao Palácio dos Soviéticos que nunca foi construído. E assim em 1990 resolveram reconstruir a catedral usando tecnologia moderna, levando apenas 3 anos para edificá-lo, tempo muito menor que da primeira vez que levou em torno de 44 anos para ficar pronta.

Kremlin é outro lugar bem visitado de Moscou, um complexo fortificado que é sede do governo da Rússia e da extinta União Soviética. Nele você vai encontrar um grande número de momentos históricos.

2. Conhecer seus Museus

Imagem do Panorama de Borodino, museu sobre guerras, em Moscou, na Rússia.
Foto: Panorama de Borodino Moscou, Rússia – Grandrus

Moscou também é rica em museus, uma bela oportunidade para conhecer melhor a cultura e história do país.

Entre eles temos a Galeria Tretyakov, a qual foi fundada por Pavel Tretyakov e é dividida em dois blocos, um conhecido como “antigo Tretyakov”, à margem sul do rio Moscova e é composto por obras de arte clássica e tradicional russa e a nova que contém obras de artistas soviéticos e contemporâneas.

Outro museu que chama a atenção é o Museu Pushkin de Belas Artes que contém exposições que representam a arte das civilizações, tendo réplicas de esculturas antigas, assim como obras de artistas internacionais como Claude Monet, Paul Cézanne e Pablo Picasso.

Saindo um pouco das artes, no Museu Histórico da Russa você vai encontrar relíquias de tribos pré-históricas da Rússia e trabalhos artísticos adquiridos durante a dinastia Romanov.

Outro museu que chama a atenção é o Museu Politécnico, que foi fundado em 1872 e é considerado o maior museu técnico da Rússia, contendo invenções históricas e descobrimentos tecnológicos, sua coleção compreende mais de 160 mil itens.

Se você gosta de história sobre guerras vai curtir a visita ao Panorama de Borodino, onde os visitantes tem a oportunidade de estar em um campo de batalha, com uma visão de 360°, homenagem à Batalha de Borodino. No museu você também poderá ver informações sobre a Guerra Patriótica de 1812.

Outros museus que valem a pena conhecer é o Museu Estatal da Arquitetura e o Museu Memorial da Cosmonáutica.

O Museu Garage se encontra no Parque Gorky e é o museu mais tecnologicamente avançado da cidade. Nele você vi encontrar painéis nas paredes que se movem livremente em um grande espaço, cinco halls de exposição, um espaço midiático e um centro educacional.

3. Curtir Outras Atrações

Imagem do Teatro Bolshoi, em Moscou, na Rússia.
Foto: Teatro Bolshoi, Moscou, Rússia – Pixabay

Moscou é uma cidade rica em atrações culturais. Pra você ter ideia nela existem 93 teatros, 132 cinemas e 24 salões de concerto.

Entre os destaques se encontra o Teatro Bolshoi, um dos maiores do país e o Teatro de Arte de Moscou, nele você poderá conferir apresentações de balé russo, desde o clássico a interpretações modernas. Na cidade também se encontra o Circo de Moscou, famoso no mundo todo.

No Parque Hermitage você poderá relaxar e curtir um lugar gostoso com alguns cafés, três teatros, um palco para shows e até mesmo playground para as crianças. Nele ocorrem festivais de comida, música e infantis. Durante o inverno ainda é instalada uma pista de patinação para a alegria dos visitantes.

Já o Krasny Oktyadr é um complexo cultural que outrora foi uma grande fábrica de chocolates soviética. Nele você vai encontrar empresas de design, galerias, bares, boates, academias de ginástica e yoga.

A Praça Vermelha é um dos pontos turísticos principais de Moscou, nela você encontrará um espaço pavimentado com pedras, uma pista de patinação no gelo durante o inverno e é nela que ocorrem importantes eventos, como desfiles militares e shows de rock. Ainda em julho durante o Festival de Flores de Moscou, são plantadas 600 mil flores na Praça Vermelha, deixando o lugar ainda ais encantador.

Outros lugares encantadores é a Colina dos Pardais, de onde se pode ter uma visão privilegiada da cidade, o Parque Gorky, onde há cafés e restaurantes simpáticos, a maior pista de patinação no gelo da Europa e é possível fazer aulas de dança, ping pong, xadrez e corrida.

Outro lugar bem visitado tanto por turistas quanto russos é o Sanduny Banya, a maior e mais popular sauna de Moscou. Ela tem mais de 200 anos de história e é usada para curar resfriados, remover toxinas do organismo, fortalecer o sistema imunológico e até mesmo conversar. O lugar é cheio de mosaicos, colunas de mármore e possui uma estátua de Poseidon.

Encontre a hospedagem ideal para você no BOOKING.COM:


Booking.com

4. Conferir o Transporte Público Eficiente de Moscou

Em Moscou uma das melhores formas de transitar pela cidade é através do metrô. As linhas metroviárias são extensas e profundas, oferecendo uma boa cobertura da cidade e as passagens ainda apresentam bons preços.

Algo interessante é que cada estação é única, tendo uma arquitetura e história diferente. Nas estações você ainda vai encontrar monumentos, cafés e museus.

Moscou ainda conta com bondes que são usados para levar os passageiros até as estações de metrôs ou mesmo para fazer baldeações.

Os trens russos também possuem boa qualidade, levando os passageiros para outras cidades da Rússia ou mesmo outros países. Os melhores trens são os elétricos, que são mais rápidos, sendo capazes de fazer uma viagem de 700 km (de Moscou a São Petersburgo) em 4 horas.

Um costume diferente na Rússia é oferecer caronas a estranhos e cobrar por isso. Também há táxis na cidade e UBERs.

Encontre ofertas em seguro viagem para a Europa na REAL SEGURO VIAGEM:

Seguro viagem europa 468x60

5. Se Divertir nos Festivais da Cidade

Moscou apresenta alguns festivais e festas durante o ano que valem a pena conferir. Entre eles temos o Festival de Fogos de Artifício, Festival Internacional de Música Militar da Torre Spásskaia, Dia de Moscou, Desfile do Dia da Vitória, entre outros. Geralmente esses eventos são gratuitos, onde você pode curtir concertos e shows tranquilamente.

6. Comprar Souvenirs Russos

Imagem de Bonecas Matrioshkas
Foto: Bonecas Matrioshkas – Pixabay

Quem gosta de compras não pode voltar da Rússia sem fazer uma comprinha, não é mesmo? E entre os souvenirs mais adquiridos pelos turistas estão as famosas bonequinhas Matrioshkas, aquelas que são guardadas umas dentro das outras. Você encontrará bonecas pintadas à mão que são mais caras e as “impressas” com preços mais em conta.

Outro souvenir bem conhecido é o ovo Fabergé, originalmente feito de ouro que leva um presentinho dentro. O primeiro foi encomendado pelo Czar Alexander III para dar a sua esposa na Páscoa. É possível encontrar em lojas de Moscou réplicas desses ovinhos.

7. Economizar nas Atrações

O turismo em Moscou não é nada barato, por isso é bom encontrar formas de economizar nas atrações e uma delas é o Moscow Pass.

Trata-se de um cartão que inclui entradas em museus, tours de ônibus pela cidade, cruzeiros e também dá descontos em cafés e restaurantes. É possível adquirir o cartão em vários pontos da cidade ou através do site oficial Moscow Pass.

Dicas

As melhores épocas para realizar uma viagem para Moscou é durante o outono e primavera quando o clima está mais ameno e não há a “muvuca” do verão.

No entanto não é recomendado viajar na última semana de agosto e primeiras semanas de setembro, já que é comemorado o aniversário da cidade e a Praça Vermelha é fechada e no dia 9 de maio quando é comemorado o Dia da Vitória (em memória da rendição nazista em 1945), feriado onde tudo está fechado, inclusive as praças e monumentos mais importantes.

Para viajar para Moscou você não precisa de visto de viagem, apenas de um passaporte válido, apresentar passagem de volta e comprovante de hospedagem.

O país é seguro, mas como em todo o lugar há criminalidade, em especial furtos que ocorrem em sua maior parte em lugares bem movimentados. Por isso é bom ficar atento a seus pertences.

Quer conhecer outros lugares da Rússia? Então confira nosso artigo sobre os 7 motivos para realizar uma viagem para Rússia

Esperamos que tenha gostado das informações e que elas tenham ajudado.

Caso tenha mais dicas de viagem para Moscou ou queria compartilhar sua opinião, comente conosco.

E se curtiu o artigo, compartilhe com os amigos nas redes sociais.

Fontes – Melhores Destinos, Wikipedia, Catraca Livre, Quanto Custa Viajar, Cadernos de Viagem, Vamos Para Rússia, Momondo

 photo banner real seguro 468 x 60_zpsgvj8olhy.jpg

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!