Seguro viagem geral 728x90

7 Motivos Para Realizar uma Viagem Para Chapada dos Guimarães

Chapada dos Guimarães é uma cidade bem conhecida dos amantes de ecoturismo. Ela se encontra no estado do Mato Grosso e é famosa por sua bela natureza formada por cavernas, cachoeiras, lagoas e trilhas em meio a vegetação típica de cerrado.

É o lugar ideal para apreciar a natureza e relaxar, especialmente se você vive na área urbana e quer mudar um pouco de ares.

Quer saber mais motivos para realizar uma viagem a Chapada dos Guimarães?

Então nos acompanhe neste artigo.

1. Visitar o Parque Nacional da Chapada dos Guimarães

O Parque Nacional da Chapada dos Guimarães é a principal atração da cidade, ficando a apenas 11 km de seu centro.

Nele você encontrará belas cachoeiras como Véu da Noiva, que tem 86 metros de queda, o Morro de São Jerônimo, o mais alto da região, tendo 836 metros de altitude e o Vale do Rio Claro, que tem uma linda paisagem e as famosas cavernas cheias de mistério e beleza, entre elas a Aroe Jari, a maior gruta de arenito do Brasil.

Imagem do Parque Nacional Chapada dos Guimarães, no Mato Grosso.
Foto: Parque Nacional Chapada dos Guimarães, Mato Grosso – Viaje Aqui Abril

É possível conhecer o parque contratando através de alguns passeios como: a visita ao mirante da Cachoeira Véu da Noiva, onde você terá uma vista panorâmica do local, realizando o Circuito das Cachoeiras, pelo Morro de São Jerônimo ou pelo Vale do Rio Claro.

Durante os passeios você terá a oportunidade de conhecer a natureza da Chapada dos Guimarães e se encantar com tanta beleza.

2. Admirar-se com as Belas Cachoeiras

Imagem da cachoeira Véu de Noiva, na Chapada dos Guimarães em Mato Grosso.
Foto: Véu da Noiva, Chapada dos Guimarães, Mato Grosso – Veja Brasil Abril

Se você gosta de cachoeiras e tem vontade de admirar de perto sua beleza, tirar fotos ou mesmo mergulhar em suas piscinas naturais vai se sentir no paraíso em Chapada dos Guimarães.

Pois nos arredores da cidade, especialmente no Parque Nacional Chapada dos Guimarães há uma grande variedade dessas belezas.

Durante o passeio Circuito das Cachoeiras, por exemplo, você terá a oportunidade de conhecer várias cachoeiras que se encontram dispostas em um mesmo rio.

O percurso tem cerca de 6 km, passando por seis cachoeiras, entre elas 7 de Setembro, Pulo, Degraus, Prainha, Andorinhas e Independência. O passeio dura em torno de 4 a 6 horas, sendo indicado levar lanche, água, filtro solar e boné para se proteger do Sol.

Você também pode conhecer a mais impressionante cachoeira da região, Véu da Noiva, a maior queda d´água do lugar, sendo o principal cartão postal da Chapada dos Guimarães. Essa cachoeira é formada pelo rio Coxipó, ao seu redor se encontram o vale e as escarpas do morro (formação geológica de arenito), o que deixa o lugar ainda mais encantador.

Você pode admirar a bela vista através de um mirante que fica próximo à administração do parque. E o melhor de tudo é que, de acordo, com o site Guia Chapada o passeio é de graça.

Encontre ofertas em seguro viagem para o Brasil na REAL SEGURO VIAGEM:

Seguro viagem brasil 468x60

3. Realizar Passeios em Meio à Natureza

Em Chapada dos Guimarães você terá muitas oportunidades para realizar passeios em meio à natureza e até mesmo praticar esportes radicais.

No Parque Nacional Chapada dos Guimarães você poderá realizar muitas trilhas, a pé ou de bicicleta e contemplar o belo cerrado, cachoeiras, cânions, sítios arqueológicos com pinturas rupestres e formações rochosas impressionantes.

Além disso, você poderá tomar um banho nas piscinas naturais de algumas cachoeiras, sendo uma das grandes exceções a piscina da cachoeira Véu da Noiva (por ser perigoso).

Também é possível nadar nos rios e conferir a bela natureza local sob outra perspectiva. Entre eles temos o Rio Paciência, Balneário do Rio Claro, Balneário do Rio Mutuca, entre outros.

Se você é fã de escalada vai curtir o trekking em direção ao Morro São Jerônimo, sendo cerca de sete horas de caminhada e escalada. Ao final você terá a oportunidade de contar com uma vista panorâmica do lugar. Lembrando que antes de realizar essa atividade você deve avaliar seu preparo físico.

4. Conhecer as Cavernas

Imagem da Caverna Aroe Jari, na Chapada dos Guimarães em Mato Grosso.
Foto: Caverna Aroe Jari, Chapada dos Guimarães, Mato Grosso – Portal Chapada MT

No local você ainda terá a oportunidade de conhecer belas e impressionantes cavernas naturais, entre elas a Aroe Jari também conhecida como Gruta do Francês é mais famosa, já que é a maior caverna de arenito brasileira. Ela conta com 1550 metros de extensão e é naturalmente iluminada.

No final da caverna você encontra a Lagoa Azul, um belo corpo d´água, o qual infelizmente é proibido mergulhar, no entanto é possível admirar essa beleza da natureza e tirar belas fotografias.

Outra bela caverna é a Kiogo Brado, a qual pode ser atravessada e possui uma entrada que mede cerca de 30 metros de altura.

No entanto ela é pequena quanto comparada a Aroe Jari, tendo apenas 273 metros de extensão, sendo formada por um único conduto vadoso. Algo interessante de observar são os periquitos e morcegos que se abrigam nas cavidades das pedras.

5. Passear Pela Cidade de Pedra

Imagem da cidade de Pedras, na Chapada dos Guimarães, no Mato Grosso.
Foto: Cidade das Pedras, Chapada dos Guimarães, Mato Grosso – Portal Chapada MT

Outra atração interessante é a Cidade de Pedra, um lugar rodeado de rochas pontiagudas, dando a impressão de serem construções antigas.

Além disso, no lugar ainda há cânions (precipícios) que chegam a 350 metros de altura, sendo possível ter uma visão panorâmica da parte baixa do lugar até Cuiabá (capital do mato grosso que se encontra a apenas 32 km), o Morro de São Jerônimo ao longe e escarpas que são muito frequentadas por araras.

Ao redor dessa visão impressionante e durante o caminho temos a vegetação exuberante e variada do cerrado.

Encontre a hospedagem ideal para você no BOOKING.COM:


Booking.com

6. Conhecer Melhor Chapada dos Guimarães

E para descansar desses belos passeios, nada melhor do que dar uma volta pela Chapada dos Guimarães.

Além das pousadas aconchegantes, restaurantes com boa comida e atendimento, a pequena e rústica cidade conta com um grupo de artesãos talentosos, os quais se reúnem na praça pública para mostrar seus belos trabalhos aos moradores e turistas.

E para aproveitar sua visita à pracinha da cidade, ainda poderá conhecer a Igreja de Santana, uma construções histórica, a qual foi criada pela vez em 1811, por ordem de Dom João VI.

7. Viajar em Qualquer Época

É possível viajar em qualquer época para Chapada dos Guimarães, uma vez que geralmente não há grandes variações de tempo.

No entanto o clima ideal para curtir os passeios em meio à natureza é na primavera e verão, quando está mais calor e há época de chuvas, o que deixa a vegetação mais bonita e proporciona mais alimento aos animais, o que acaba aumentando suas chances de observá-los.

Apesar do inverno não ser muito rigoroso, pode acontecer de a temperatura baixar a noite. Por isso se for viajar nessa época é bom se prevenir.

Dicas

Uma das formas de se chegar à Chapada dos Guimarães é via Cuiabá, já que a pequena cidade não conta com um aeroporto. E de lá pegar a rodovia MT 251 para chegar à cidade.

Algo que é indicado é alugar um carro para circular pelo local, pois dessa forma sai mais barato e é possível chegar aos passeios. No entanto em alguns lugares você precisará contratar um guia, não somente por segurança, mas por ser normal local.

Por isso uma opção mais prática também seria contratar um passeio completo em uma agência de turismo local.

Se você pretende visitar o lugar no final de semana ou feriado, o ideal é que você reserve sua hospedagem e passeio com antecedência, pois muitas lojas e serviços fecham na cidade.

Para economizar na viagem é legal também se informar sobre as atrações gratuitas, para não cair na conversa das agências de turismo e comprar apenas os passeios que realmente são pagos.

Quer conferir umas dicas legais de quem viajou para a Chapada dos Guimarães?

Então dá uma olhada no relato da Miriam no blog Viaje na Viagem, que está bem interessante.

Esperamos que tenha gostado das informações e que elas tenham ajudado.

Já esteve na Chapada dos Guimarães? Quer contar sua experiência pra gente? Então manda a ver nos comentários. Ou mesmo se quiser dar sua opinião ou tirar alguma dúvida, fique à vontade.

E se curtiu o artigo, que tal compartilhar com os amigos? Dessa forma você não só estará nós ajudando como também estaremos trazendo novos lugares que talvez você não conheça!

Fontes – Wikipedia, Mochileiros, Férias Brasil, Chapada Offroad, Chapada dos Guimarães, Viaje Aqui Abril, Portal Chapada MT

 photo banner real seguro 468 x 60_zpsgvj8olhy.jpg

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!