Seguro viagem geral 728x90

7 Motivos Para Realizar uma Viagem Para Belém

Belém, também conhecida como Belém do Pará é a capital do estado do Pará, que se encontra na região Norte do Brasil.

A cidade é considerada a “porta de entrada” da floresta Amazônica, sendo a segunda, após Manaus, a ser visitada com a finalidade de visitar a linda floresta brasileira.

Além disso, trata-se de um dos municípios mais antigos do Brasil, tendo 400 anos de história, chamando a atenção dos turistas que ficam curiosos para conhecer seus monumentos e cultura.

Quer saber mais motivos para realizar uma viagem para Belém?

Então dá uma conferida no que preparamos para você.

1. Visitar suas Atrações Históricas

Belém é recheada de atrações históricas, sendo um prato cheio para os amantes de História que poderão ver construções antigas, visitar museus e entender melhor como se deu o desenvolvimento local.

Entre as construções antigas da cidade temos a Catedral de Belém, a qual foi edificada entre os anos de 1748 e 1771, sendo uma das edificações religiosas mais belas do país.

O que chama mais a atenção na construção são as torres, em estilo clássico, projetadas pelo arquiteto italiano Giuseppe Landi.

Imagem da Catedral de Belém, no estado do Pará.
Foto: Catedral de Belém, Pará – Viagem Uol

A Basílica de Nazaré é mais recente, sendo construída em 1909. Ela é bem famosa na cidade tanto por sua exuberância e beleza quanto por ser o local que anualmente é frequentado por milhares de fiéis que participam do Círio de Nazaré.

Já o Forte do Castelo foi a primeira construção de Belém, sendo edificado em 1616. Ele é conhecido por ser a base maior das operações de conquista da Amazônia. Hoje é um local bem visitado, onde você poderá conferir seus velhos canhões e apreciar uma belíssima vista da Baía do Guajará.

Na cidade ainda há ruínas do Engenho de Murucutu, construído no século XVIII, onde se fabricava cachaça e açúcar. Ela se encontra no meio da mata da EMBRAPA e conta um pouco a história do período colonial.

Alguns dos museus da cidade se encontram em construções antigas como o Palacete Bolonha, edificado no início do século XX e que hoje funciona como Museu da Medicina, o Palácio Lauro Sodré, inaugurado em 1771 e que hoje é o Museu do Estado e o Palácio Antônio Lemos, mais conhecido como Palacete Azul, edificado no século XIX e que hoje abriga a sede da Prefeitura de Belém e seu Museu de Arte.

2. Realizar Passeios Culturais

Imagem de pessoas andando na Estação das Docas em Belém do Pará.
Foto: Estação das Docas, Belém, Pará – Viaje Aqui

Além dos museus e construções históricas, Belém possui atrações culturais interessantes.

Entre elas a Aldeia Cabana de Cultura Amazônica, um espaço cultural que foi inspirado nas ocas de tribos indígenas da região. Ele foi criado em 1999, conta com 120 camarotes e blocos de arquibancadas e é usado para a realização de diversos eventos culturais que são oferecidos gratuitamente para a população regional e visitantes.

A Estação das Docas é uma grande área que abrange 500 metros da orla fluvial de Belém. Nela você encontrará diversos estabelecimentos voltados para o lazer, como museu, teatro, feira de artesanato, lojas, restaurantes e bares.

Ver-o-Rio é um parque que fica em frente à baía de Guarajá e conta com barracas de comidas típicas, bares, playground e um palco, onde ocorrem eventos culturais, sendo bem frequentado durante os finais de semana.

Outro passeio legal é visitar o Planetário Sebastião Sodré da Gama, o qual foi inaugurado em 1998, sendo o primeiro da região Norte e também um dos mais modernos do Brasil, sendo construído com equipamentos vindos da Alemanha.

Em sua cúpula você poderá observar a representação de 88 constelações e 7 mil corpos celestes, como estrelas, cometas e planetas.

E se você gosta de teatro e belas construções vai curtir a visita ao Theatro da Paz, o qual foi construído em 1878, sendo inspirado no Teatro all Scala, de Milão, na Itália. Ele é considerado o maior e mais antigo da Amazônia, além de um dos mais luxuosos do Brasil.

3. Apreciar a Natureza

Imagem de garça e guarás em lago no Mangal das Garças, em Belém do Pará.
Foto: Mangal das Garças, Belém do Pará – Viagem Abril

Na cidade você ainda poderá apreciar a natureza que só a região Norte tem a oferecer. Entre as atrações que mostram isso está o Bosque Rodrigues Alves, um belo jardim botânico, onde você poderá ver uma boa variedade plantas da região.

O Mangal das Garças fica nas margens do Rio Guamá, próximo ao centro histórico de Belém. Trata-se de um parque, onde você poderá conferir uma bela paisagem, composta por lagos artificiais, viveiros de aves, como garças, é claro, e guarás, beija-flores e ainda conferir um viveiro de borboletas.

Mas sem dúvida a atração natural que mais chama a atenção de Belém é a Ilha dos Papagaios, uma pequena ilha, onde é possível ver um belíssimo espetáculo da natureza, milhares de papagaios voando ao nascer do sol.

Os amantes da natureza também vão gostar do Parque Zoobotânico do Museu Paraense Emílio Goeldi, o qual foi criado em 1866, a mais antiga instituição de pesquisas da região Amazônica e do Brasil.

4. Saborear sua Culinária

Imagem de Tacacá, prato típico de Belém do Pará.
Foto: Tacacá – Tripiadvisor

Belém também é conhecida por sua deliciosa gastronomia. E se você é de outras regiões do Brasil ou mesmo outro país vai estranhar ou até mesmo se encantar com a comida paraense, que tem grande influência indígena.

Os pratos geralmente são feitos com frutas variadas como açaí, cujo caldo engrossado com farinha de tapioca é usado como acompanhamento ou mesmo como sobremesa quando adoçado com açúcar, jambu (uma erva local que dá uma leve sensação de dormência na boca), camarão seco, tucupi (líquido amarelo extraído da raiz da mandioca-brava), pimenta-de-cheiro e ervas.

Entre seus pratos mais famosos está o tacacá (caldo inspirado na cultura indígena e que é feito com goma de mandioca, camarão, seco, tucupi, jambu e pimenta-de-cheiro), tucupi ou caldo de açaí com peixes locais ou camarão, pato no tucupi, maniçoba (iguaria preparada com folhas tenras da mandioca, trituradas e acrescida de carne suína, temperada com alho, sal, louro e pimenta).

Além do açaí também são usados outras frutas típicas para preparar as sobremesas como bacaba, cupuaçu, castanha-do-pará, bacuri, pupunha, tucumã, muruci, piquiá e taperebá.

Encontre ofertas em seguro viagem para o Brasil na REAL SEGURO VIAGEM:

Seguro viagem brasil 468x60

5. Presenciar sua Religiosidade

Imagem da procissão Círio de Nazaré, em Belém do Pará.
Foto: Círio de Nazaré, Belém do Pará – Viagem Uol

A cidade de Belém tem uma cultura católica bem forte, sendo que ocorre todo ano um evento de grandes dimensões, o Círio de Nazaré. Uma procissão realizada no segundo domingo de outubro em homenagem a Senhora de Nazaré.

Isso acontece de acordo com uma história contada há muitos anos. Ela conta que no início do século XVI, nos arredores da cidade, um lenhador encontrou uma imagem de 30 cm da Senhora de Nazaré. Ele decidiu levá-la para casa, no entanto a estátua apareceu novamente no lugar onde tinha sido encontrada.

Os cidadãos de Belém consideram essa festividade tão importante quanto o Natal, sendo que no dia é realizada uma procissão que reúne mais de um milhão de fiéis que acompanham a padroeira em um trajeto de 3 km pelo centro de Belém, o qual dura cerca de cinco horas, rumo à Basílica de Nazaré.

Todo esse movimento chama a atenção de turistas curiosos assim como pessoas devotas ao catolicismo.

Encontre a hospedagem ideal para você no BOOKING.COM:


Booking.com

6. Conferir os Mercados da Cidade

Nos Mercados de Belém você encontrará produtos que não encontra normalmente em outras regiões do Brasil, rendendo passeios bem interessantes.

Entre os mercados mais visitados da cidade está o Mercado Municipal, que se encontra no Complexo Ver-o-Peso, um antigo centro comercial de 1688, que foi transportado da Inglaterra, sendo considerado uma das 7 maravilhas do Brasil.

No mercado você encontrará uma mistura de produtos e utensílios para vender, como ervas medicinais, frutas regionais diversas e que talvez você nunca tenha visto, artesanatos, utilidades domésticas, carnes, peixes e temperos.

Outro lugar onde você encontrará produtos interessantes é o Icoaraci, o centro de cerâmica marajoara e tapajônica, o qual foi herdado dos índios que habitaram a Ilha de Marajó e a região do Tapajós. Nele você poderá ver como é realizada a produção das peças e ainda poderá adquirir souvenires se quiser.

7. Realizar uma Viagem Diferente

Quer conhecer um lugar diferente? Cheio de história, crenças, cultura indígena e natureza exuberante? Então a cidade de Belém é um ótimo destino.

Especialmente para quem não está familiarizado com sua cultura é uma experiência bem diferente.

Nós mesmos aqui do Viajantes de Primeira Viagem que moramos no estado de São Paulo, ficamos curiosos para conhecer Belém, cidade natal do avô desta autora que vos escreve.

Dicas

Para chegar em Belém você pode ir de avião, sendo que a cidade conta com um aeroporto internacional, o Val-de-Cans ou de carro, a partir das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país através da Rodovia Belém-Brasília, que tem início na cidade de Anápolis, em Goiás.

Se hospedar na região de central de Belém pode facilitar, já que o centro histórico pode ser percorrido a pé. Para ir até lugares mais distante é recomendado o uso do ônibus, que é prático, barato, possibilitando que se conheça todos os arredores da cidade.

À noite é recomendado o uso do táxi, devido à segurança.

Como se encontra na região Norte, Belém é uma cidade muito quente, fazendo calor o ano todo. Os meses de dezembro a maio não são muito recomendados, pois as chuvas são muito intensas.

O mês de outubro é bem concorrido devido ao Círio de Nazaré, sendo alta temporada e Belém, que além de ficar cheia, aumenta o valor de seus serviços de turismo.

Esperamos que as informações tenham ajudado.

Caso tenha alguma dúvida, dica ou queira dar sua opinião, fique à vontade para comentar.

E se curtiu o artigo, compartilhe com os amigos nas redes sociais.

Fontes – Cia Eco Tur, Wikipedia, Férias Brasil, Viciada em Viajar, Partiu Viagens, Viaje Aqui Abril

 photo banner real seguro 468 x 60_zpsgvj8olhy.jpg

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!