Seguro viagem geral 728x90

7 Motivos Para Realizar uma Viagem a Chinatown NY

Chinatown é uma região de uma cidade, onde vive uma grande população de chineses em uma nação não chinesa.

Esse bairro está presente nos Estados Unidos, Canadá, certas cidades da Europa e até mesmo na Austrália.

Mas neste artigo vamos falar especificamente da Chinatown de Manhahan, em Nova York, EUA.

Neste bairro você encontrará vários aspectos da cultura chinesa, como arquitetura, pessoas, lojas, produtos, entre outros, que contrastam bastante com as demais regiões da cidade.

Uma visita interessante que te dará a oportunidade de conhecer a cultura chinesa sem ter de viajar para a China.

Quer saber mais motivos para realizar uma viagem a Chinatown?

Então confira as informações que reunimos para você.

1. Conhecer sua História

Você conhece a origem de Chinatown?

Tanto nos Estados Unidos como no Canadá esses bairros foram criados no século XIX devido a leis discriminatórios que proibiam a venda de terra a chineses ou restringiam a venda a uma determinada área da cidade, dessa forma separando os chineses do restante da sociedade.

Uma medida meio preconceituosa, se pararmos para pensar, não é mesmo? Mas que no final resultou na formação de um bairro diferente, onde as pessoas podem adentrar uma cultura totalmente diferente do restante da cidade.

Imagem do museu MOCA em Chinatown, Nova York.
Foto: MOCA, Chinatown – Christina of Chinatown

Para conhecer melhor essa história um passeio legal é visitar o MOCA (Museu do Chinês na América), o museu que conta a história da imigração chinesa nos Estados Unidos.

Nele você vai encontrar artigos usados pelos chineses da época, assim como fotografias e documentos.
Outra atração histórica de Chinatown é a catedral católica de Nova York, St. Patrick´s Old Cathedral edificada em 1809. No entanto ela foi reconstruída em 1860 após um incêndio em estilo românico.

Também há o Mahayana Buddhist Temple, um templo budista, onde os adeptos da religião vão praticá-la. Outro monumento a se admirar no local é uma estátua dourada de Buda de 5 metros de altura.

Mas para entrar no templo é necessário vestir roupas mais comportadas, evitando o uso de roupas curtas e camisetas e blusas sem manga.

Encontre ofertas em seguro viagem para a América do Norte na REAL SEGURO VIAGEM:

Seguro viagem america do norte 468x60

2. A Gastronomia Chinesa

Se você aprecia a culinária chinesa vai gostar dos restaurantes de Chinatown, neles além de pratos típicos chineses você vai encontrar preços acessíveis, o que atrai até mesmo os nova-iorquinos.

Os restaurantes geralmente servem em modo dim sum, onde são apresentadas aos fregueses uma pequena variedade de pequenas porções, compreendendo pratos com carnes, fritos do mar, legumes e frutas, acompanhados de chá.

No bairro também há outras culinárias asiáticas como vietnamita e malaia.

E ainda se você é fã de gastronomia exótica, saiba que também há lojas que vendem alimentos um tanto estranhos para o paladar ocidental, como ninhos de andorinha e barbatanas de tubarão.

3. Fazer Compras

Imagem de pessoas andando por lojas de Chinatown, Nova York.
Foto: Chinatown, Nova York – Susana Steil

Sabemos que os produtos chineses são de baixa qualidade e podem até mesmo quebrar ou danificar facilmente, mas não podemos deixar de admirar sua criatividade.

Por isso mesmo que você não queira comprar um produto chinês é interessante visitar suas lojas e conferir todo o tipo de enfeites e objetos vendidos, entre eles adornos imitando jade, bijuterias, eletrônicos, entre outros.

E caso se interessar em comprar, saiba que os preços são bem acessíveis.

4. Assistir a Festa do Ano Novo Chinês

Imagem de parada do Ano Novo Chinês em Chinatown, Nova York.
Foto: Ano Novo Chinês em Chinatown – Maior Viagem

A Festa do Ano Novo Chinês é uma das mais esperadas em Nova York. Ela começa pela rua Mott street e circula pelo Canal Street até Bayard Street, onde o bairro chinês é enfeitado com lanternas chinesas, se preparando para a Chinese New Year Parade (Parada de Ano Novo Chinês).

Na parada ocorrem desfiles de pessoas usando máscaras, passam carros alegóricos que transportam dragões de papel e ao final ocorre a queima de fogos de artifício.

Também no local se apresentam inúmeros dançarinos, cantores e vendedores de comida típica.

Encontre a hospedagem ideal para você no BOOKING.COM:

Booking.com

5. Conhecer Outras Atrações

Em Chinatown você ainda terá a oportunidade de conhecer e desfrutar de outras atrações como as famosas casas de massagem, onde é possível relaxar após um dia longo de caminhada.

Também há o Columbs Park, que já foi o local onde se encontrava a favela de Five Points, um lugar tão perigoso que até mesmo a polícia evitava.

Felizmente ele foi remodelado em 2004 e hoje é um local tranquilo, onde é possível ver chineses praticar tai chi chuan.

E falando em artes marciais chinesas, saiba que no bairro você também encontrará escolas tradicionais, mas que são somente voltadas para chineses nascidos na China.

6. Sentir-se em um Destino Asiático

Em Chinatown você não vai encontrar somente chineses, mas também outros povos asiáticos como malaios e vietnamitas.

Pois como dissemos anteriormente, assim como os chineses foram isolados no local, outros asiáticos também.
Assim você encontrará pessoas falando uma série de idiomas asiáticos, entre eles o principal cantonês e mandarim.

Rodeado de construções asiáticas e lojas com pessoas falando outra língua não há como não se sentir em outro lugar que não seja Nova York.

7. Visitar Little Italy

Imagem do bairro Little Italy, em Nova York.
Foto: Little Italy, Nova York – Hotel Room Search

Little Italy é um bairro que fica colado à Chinatown, onde se encontram imigrantes italianos, vindos especialmente da Sicília e região napolitana.

Uma oportunidade para visitar um pequeno pedaço da Itália, onde você vai encontrar arquitetura italiana e restaurantes tradicionais que vendem sua deliciosa culinária.

No bairro também ocorre a Festa de San Gennaro, o padroeiro de Nápoles, quando as ruas são decoradas com bandeiras italianas e são montadas barracas que servem pratos típicos e vinhos.

Dicas

Há voos diretos entre Brasil e Nova York. Para chegar em Chinatown, basta apanhar o metrô, se dirigindo até o Canal Street.

O legal de Nova York é que é possível usar o celular com acesso à internet à vontade. Também é possível usar o GPS, baixar dicas e mapas de turismo e assim encontrar facilmente lojas e atrações de Chinatown.

Caso tenha alguma dificuldade em obter informações, saiba que há um quiosque chamado “Explore Chinatown”, que se encontra nas ruas Canal St, Walker St & Baxter St., sendo aberto diariamente.

No lugar há funcionários bilíngues, que falam tanto inglês como chinês.

Esperamos que as informações tenham ajudado.

Caso tenha alguma dica, dúvida ou queira comentar algo, fique à vontade para comentar.

E se curtiu o artigo, compartilhe com os amigos nas redes sociais.

Fontes – Wikipedia, Falando de Viagem, Manual do Turista, Viagem e Turismo, Dicas New York, Clique Nova York

 photo banner real seguro 468 x 60_zpsgvj8olhy.jpg

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!